Scroll to top

MBA EM CONTROLE E GESTÃO DE ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR

 

 

 

 

Inscrições, acesse: http://acaderncic.com.br/eventos/mba-em-controle-e-gestao-de-entidades-do-terceiro-setor/ 

Curso de Pós-Graduação em nível de Especialização – Lato Sensu

 

MBA EM

CONTROLE E GESTÃO DAS ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR

 

 

Brasília- DF, 14 de março de 2017.

Sumário

  1. Identificação da Instituição………………………………………………………………………………………… 3
  2. Nome da Instituição de Ensino Superior…………………………………………………………………………….. 3

1.2 Nome do Departamento…………………………………………………………………………………………………………. 3

1.3 Nome do Curso:……………………………………………………………………………………………………………………. 3

1.4 Endereço da Instituição da Instituição de Ensino Superior………………………………………………………….. 3

1.5 Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ……………………………………………………………………………. 3

  1. Identificação dos Responsáveis………………………………………………………………………………… 3

2.1           Reitor/Diretor…………………………………………………………………………………………………………………. 3

2.2           Endereço………………………………………………………………………………………………………………………. 3

2.3           CPF……………………………………………………………………………………………………………………………… 3

2.4           RG……………………………………………………………………………………………………………………………….. 3

  1. Identificação do Curso……………………………………………………………………………………………. 4

3.1           Curso……………………………………………………………………………………………………………………………. 4

3.2           Área de Conhecimento…………………………………………………………………………………………………….. 4

3.3           Unidade Responsável……………………………………………………………………………………………………… 4

3.4           Coordenador do Curso……………………………………………………………………………………………………. 4

3.5           Titulação do Coordenador……………………………………………………………………………………………….. 4

3.6           Período de Realização…………………………………………………………………………………………………….. 4

3.7           Carga Horária…………………………………………………………………………………………………………………. 4

3.8           Tipo……………………………………………………………………………………………………………………………… 4

3.9           Modalidade do Curso………………………………………………………………………………………………………. 5

3.10        Número de Vagas…………………………………………………………………………………………………………… 5

3.11        Horário de Aula – Aula EAD……………………………………………………………………………………………… 5

3.12        Público Alvo………………………………………………………………………………………………………………….. 5

3.13        Objetivo Geral………………………………………………………………………………………………………………… 5

3.14        Objetivos Específicos……………………………………………………………………………………………………… 5

3.15        Justificativa…………………………………………………………………………………………………………………… 6

  1. Estrutura e Funcionamento do Curso……………………………………………………………………… 6

4.1           Quadro de Professores/Matriz curricular…………………………………………………………………………….. 6

4.2           Processo Seletivo…………………………………………………………………………………………………………… 8

4.3           Aula Magna……………………………………………………………………………………………………………………. 9

4.4           Critérios de Avaliação……………………………………………………………………………………………………… 9

4.5           Cronograma…………………………………………………………………………………………………………………. 11

4.6 Ementas dos Componentes Curriculares e Referências Bibliográficas.………………………………………… 18

4.7 Metodologia de Ensino e Sistema de avaliação………………………………………………………………………… 29

4.8           Dados Relativos ao Corpo Docente………………………………………………………………………………….. 30

4.9           Recursos……………………………………………………………………………………………………………………… 31

4.10        Aspectos Legais……………………………………………………………………………………………………………. 32

4.11        Trabalho de Conclusão de Curso – TCC…………………………………………………………………………….. 32

  1. Previsão Orçamentária……………………………………………………………………………………………. 33

5.1           Previsão de Despesas……………………………………………………………………………………………………. 33

  1. Anexos……………………………………………………………………………………………………………………….. 36

 

 

1. Identificação da Instituição

1.            Nome da Instituição de Ensino Superior

1.2 Nome do Departamento

Ciências Contábeis

1.3 Nome do Curso:

MBA em Controle e Gestão de Entidades do Terceiro Setor

1.4 Endereço da Instituição da Instituição de Ensino Superior

         

1.5 Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ

           

 

2. Identificação dos Responsáveis

2.1    Reitor/Diretor

 

2.2    Endereço

 

2.3    CPF

 

2.4    RG

 

 

 

 

3.           Identificação do Curso

3.1      Curso

Pós-Graduação em nível de Especialização (Lato Sensu) MBA EM GESTÃO E CONTROLE DE ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR

3.2       Área de Conhecimento

           Ciências Sociais e Aplicadas

3.3      Unidade Responsável

 

3.4      Coordenador do Curso

 

3.5     Titulação do Coordenador

Mestre

3.6     Período de Realização

Início:

Término:

 

( X ) Especialização                (    ) Mestrado

( X ) MBA                                  (    ) Doutorado

 

3.7     Carga Horária

384 h (Trezentos e oitenta e quatro horas-aula)

3.8     Tipo

( X ) Especialização                (    ) Mestrado

( X ) MBA                                  (    ) Doutorado

 

3.9       Modalidade do Curso

( x ) Modular

( x ) Regular    (    ) Tempo Integral

( X ) Tempo Parcial

 

3.10    Número de Vagas

45 vagas (Quarenta e cinco vagas por turma)

3.11   Horário de Aula – Aula EAD

Quinta:

Sexta:

Sábado:

 

Aula EAD:

 

3.12   Público Alvo

O curso é dirigido aos Bacharéis em Ciências Contábeis e aos demais egressos dos cursos da área das Ciências Sociais Aplicadas, membros de carreiras jurídicas, gestores de entidades sem finalidade de lucro e outros profissionais de nível superior que atuem ou que pretendem atuar na gestão, contabilidade, auditoria e consultoria voltadas às organizações do terceiro setor e que estejam buscando qualificação em nível de gestão e controle no âmbito das tais entidades.

 

3.13   Objetivo Geral

Capacitar os participantes oriundos da área da contabilidade e afins, na gestão e controle das entidades de interesse social, contribuindo para o desenvolvimento, sustentabilidade e cumprimento das missões dessas organizações.

 

3.14   Objetivos Específicos

  • Disseminar a conscientização para atuação profissional junto ao terceiro setor;
  • Qualificar e capacitar os participantes para a gestão e controle das entidades sem finalidade de lucro;
  • Estimular a conscientização do papel socioambiental do gestor no terceiro setor, no que se refere ao controle, gestão e prestação de contas das entidades;
  • Incentivar a iniciação à pesquisa em contabilidade e gestão do terceiro setor;
  • Contribuir para a melhoria da qualificação dos gestores que atual e que pretendem atuar nas entidades do terceiro setor.

3.15   Justificativa

As instituições de interesse socioambiental vêm se tornando cada vez mais representativas e relevantes no atual contexto mundial, e carecem, no entanto, de instrumentos e tecnologias de gestão e controle que possibilitem sua manutenção, viabilidade, crescimento e desenvolvimento sustentável.

Essas instituições são representadas principalmente por fundações, associações, organizações da sociedade civil (OSCs), clubes de serviços, agências de fomento e outras iniciativas de interesse social.

A Fundação Brasileira de Contabilidade – FBC, sempre atenta às principais demandas do Terceiro Setor, em parcerias com o Sistema CFC/CRCs, com instituições de ensino superior e outros parceiros, busca oportunizar aos participantes a obtenção, desenvolvimento e aplicação de conhecimentos, habilidades e competências inerentes a esse segmento que necessita de gestores profissionais qualificados.

Dentro desse escopo, o curso apresenta em sua matriz curricular um conjunto de disciplinas que abordam temas que vão de encontro as necessidades e expectativas de seu público-alvo.

 

4. Estrutura e Funcionamento do Curso

4.1            Quadro de Professores/Matriz curricular

 

MÓDULO 1 – GESTÃO APLICADA
Professor Titulação No. Componente curricular CR C/H Obs.
1 Entidades do Terceiro Setor 2 24
2 Gestão de Políticas Públicas para o Terceiro Setor 2 24
3 Gestão de Pessoas e Voluntariado no Terceiro Setor 2 24
4 Gestão Estratégica e Governança no Terceiro Setor 2 24
5 Gestão Financeira e Orçamentária no terceiro setor 2 24
6 Gestão de Projetos e Captação de Recursos no Terceiro Setor 2 24
7 Metodologia da Pesquisa I 1 12
Total 13 156

 

MÓDULO 2 – LEGISLAÇÃO E CONTABILIDADE
Professor Titulação No. Componente curricular CR C/H Obs.
8 Legislação Aplicada às Entidades do Terceiro Setor 2 24
9 Regime Tributário Aplicado às Entidades do Terceiro Setor 1 12
10 Contabilidade Aplicada às Entidades do Terceiro Setor 3 36
11 Prestação de Contas 3 36
Total 9 108

 

 

MÓDULO 3 – AUDITORIA & CONTROLADORIA
Professor Titulação No. Componente curricular CR C/H Obs.
12 Auditoria Operacional e Contábil em Entidades do Terceiro Setor 2 24
13 Ética e Responsabilidade Socioambiental 2 24
14 Controladoria 2 24
15 Seminários de Formação Profissional 1 12
16 Metodologia da Pesquisa II 1 12
  Total 8 96
17 Trabalho de Conclusão de Curso – TCC 2 24
Total Geral 32 384

 

DISCIPLINAS ELETIVAS:

Professor Titulação No. Disciplinas/Módulos CR C/H Obs.
18 Metodologia do Ensino Superior 2 24
19 Intercâmbio Acadêmico Internacional (Opcional) 4 48

 

Observações

Ao cursar cada componente curricular o aluno participante receberá um certificado de conclusão de curso de extensão de curta duração, correspondente aquele componente. Ao concluir cada módulo, o aluno participante receberá um certificado de conclusão de curso de extensão de longa duração, correspondente àquele módulo.

4.2            Processo Seletivo

 

  1. Inscrição dos Candidatos

Período:

 

  1. Seleção dos Candidatos

Período:

 

  1. c) Matrícula:

Período:

Requisitos: (por conta da IES)

  • Formulário de matrícula;
  • Cópia do diploma do curso de graduação;
  • Cópia do histórico escolar do curso de graduação;
  • Curriculum Vitae;
  • 2 (duas) fotos 3×4;
  • Cópia do RG e do CPF;
  • Assinatura do contrato de prestação de serviços educacionais;
  • Comprovante do pagamento de taxa de matrícula;
  • Outros____________________________________________

 

Obs.: No ato da matrícula o aluno apresentará o comprovante do pagamento de taxa de matrícula que corresponde a 1ª mensalidade.

 

4.3             Aula Magna

4.4            Critérios de Avaliação

( x ) Provas

( x ) Seminários

( x ) Trabalhos Finais de Disciplinas

( x ) Trabalho de Conclusão de Curso

 

 

4.5            Cronograma

DISCIPLINAS Nº DE

HORAS

 

DATAS

 

 

PROFESSOR

 

TÍTULO

IES NA QUAL ESTÁ VINCULADO PERTENCE AO QUADRO PERMANENTE DA IES
SIM NÃO
Aula Magna 2    
1.  Entidades do Terceiro Setor 24 AIRTON GRAZIOLI MESTRE   X
2.  Gestão de Políticas Públicas para o Terceiro Setor 24    
3.  Gestão de Pessoas e Voluntariado no Terceiro Setor 24    
4. Gestão Estratégica e Governança no Terceiro Setor 24    
5. Gestão Financeira e Orçamentária no Terceiro Setor 24    
6. Gestão de Projetos e Captação de Recursos no Terceiro Setor 24    
7. Metodologia da Pesquisa I 12    
8. Legislação Aplicada às Entidades do Terceiro Setor 24 JOSÉ EDUARDO SABO PAES DOUTOR   X
9. Regime Tributário Aplicado às Entidades do Terceiro Setor 12    
10. Contabilidade Aplicada às Entidades do Terceiro Setor 36 JOSÉ ANTONIO DE FRANÇA DOUTOR   X
11. Prestação de Contas 36 MARCELO MONELLO ESPECIAL. X
12. Auditoria Operacional e Contábil em Entidades do Terceiro Setor 24    
13.Ética e Responsabilidade Socioambiental 24 JOSÉ HENRIQUE D. CARNEIRO MESTRE   X
14. Controladoria 24    
15. Seminários de Formação Profissional 24    
16 Metodologia da Pesquisa II 12    
17.Trabalho de Conclusão de Curso TCC 24    
18.Metodologia do Ensino Superior (Opcional) 24    
19. Intercâmbio Acadêmico Internacional (Opcional) 48    
TOTAL 384            

 

Obs.: O curso poderá contar com a participação de professores indicados pela FBC, cabendo ressaltar a possibilidade de alteração e/ou ampliação do quadro, respeitadas sempre a qualificação acadêmica e a excelência didático-metodológica do curso.

4.5.1 Professores procedentes de outras localidades (valor AÉREO médio de R$ 600,00 por trecho)

Professor Localidade Titulação Horas Honorários

(A)

Aéreo/Terrestre

(B)

Hospedagem

(C)

Alimentação

(D)

Total E

B+C+D

Total F

A+E

1 AIRTON GRAZIOLI São Paulo Mestre 24 3.600,00 1.200,00 600,00 480,00 2.280,00 5.880,00
2 Gestão de Políticas Públicas para o Terceiro Setor
3 Gestão de Pessoas e Voluntariado no 3º Setor
4 Gestão Estratégica e Governança no 3º Setor
5 Gestão Financeira e Orçamentária no 3º Setor
6. Gestão de Projetos e Captação de Recurso no 3 º Setor
7. Metodologia da Pesquisa I
8 JOSE EDUARDO SABO Brasília DF Doutor 24 4.320,00 1.200,00 600,00 480,00 2.280,00 6.600,00
9 Regime Tributário Aplicado as Entidades do 3º Setor
10 JOSE ANTONIO DE FRANÇA Brasília DF Doutor 36 6.480,00 1.800,00 900,00 720,00 3.420,00 9.900,00
11 MARCELO MONELLO São Paulo SP Especial. 36 5.400,00 1.800,00 900,00 720,00 3.420,00 8.820,00
12 Auditoria Operacional e Contábil em Entidades do 3º Setor
13 JOSE H D. CARNEIRO Fpolis SC Mestre 24 3.600,00 1.200,00 600,00 480,00 2.280,00 5.880,00
 14 Controladoria
15. Seminários de Formação Profissional
16.Metodologia da Pesquisa II
17 Trabalho de Conclusão de Curso
18.Metodologia do Ensino Superior (Opcional)
19. Intercâmbio Acadêmico Internacional (Opcional)
AULA MAGNA xxxxxxxx Mestre /Doutor 2 1.200,00 300,00 240,00 1.740,00 1.740,00
TOTAL 23.400,00 8.400,00 3.900,00 3.120,00 15.420,00 38.820,00

 

Obs.: Em caso de necessidade os professores e a Coordenação poderão ser substituídos por docente com qualificação igual ou superior

 

4.6 Ementas dos Componentes Curriculares e Referências Bibliográficas.

Disciplina 1: ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR (24 h/a)

Professor:

Ementa: Terceiro Setor: conceito, evolução histórica, princípios, posição estratégica e contexto socioeconômico; direito associativo e fundacional; previsão constitucional e legal e tipologia de constituição e de funcionamento das pessoas jurídicas, formas de registro e estatuto; estrutura de poder das organizações; responsabilidade civil, administrativa e criminal; regime de prestação de serviços, contrato de emprego; contrato de prestação de serviços e serviços voluntários; parcerias do Estado com as Organizações da Sociedade Civil; Títulos e Certificações; Remuneração de Dirigentes; Exercício de atividade econômica e Social pelas Organizações.

Referências:

ALVES, Francisco de Assis. Associações, Sociedades e Fundações no Código Civil de 2002. São Paulo. Editora Juarez de Oliveira, 2005.

CARVALHO FILHO, José dos Santos. Manual de direito administrativo. São Paulo: Atlas, 2014.

DIAS, Maria Tereza Fonseca. Terceiro Setor e Estado: legitimidade e regulação por um no marco jurídico. Belo Horizonte: Fórum, 2008.

GRAZZIOLI, Airton e RAFAEL, Edson José. Fundações privadas. Doutrina e prática. São Paulo: Atlas 2013.

GRAZZIOLI, Airton. Fundações privadas: das relações de poder à responsabilidade dos dirigentes. São Paulo, Atlas, 2011.

NAVES, Rubens – Coordenador. Organizações Sociais – A construção do Modelo. São Paulo, Quartier Latin, 2014.

PAES, José Eduardo Sabo. Fundações, Associações e Entidades de Interesse social:. 8ª edição, Rev. e Atual; Rio de Janeiro: Forense, 2013.

ROCHA, Silvio Ferreira de. Terceiro Setor, 2ª Ed. São Paulo, Malheiros, 2006.

 

 

 

 

 

 

Disciplina 2: GESTÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O TERCEIRO SETOR (24 h/a)

 

Professor:

Ementa: Políticas públicas; gestão pública; orçamento público; plano plurianual; conselhos de políticas públicas, conselho de fomento, secretarias de governo, tribunais de contas, Ministério público e outros órgãos de controle. Formação de profissionais gestores de Entidades do Terceiro Setor para o relacionamento com a administração pública nos diversos níveis de Governo para a consecução de projetos de interesse social. Identificar a participação da sociedade civil na formulação de políticas públicas, regulação, financiamento, desenvolvimento e controle social.

Referências:

HOCHMAN, Gilberto; ARRETCHE, Marta e MARQUES, Eduardo (org.) Políticas Públicas no Brasil. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2007.

SOUZA-LIMA, JOSE EDMILSON. Políticas Públicas e indicadores para o desenvolvimento sustentável. São Paulo: Saraiva, 2010.

JANNUZZI, P. M. Indicadores Sociais no Brasil. Campinas, SP: Editora Alínea, 2006.

PEREIRA, J. M. Manual de Gestão Pública Contemporânea. São Paulo: Atlas, 2007.

MELLO, Celso Antônio Bandeira de. Curso de direito administrativo. São Paulo: Malheiros, 2014

FARAH, Marta Ferreira Santos. Governo local e novas formas de provisão e gestão de serviços públicos no Brasil. São Paulo: FGVSP. (Cadernos Gestão Pública e Cidadania. n. 4), 1997.

HOWLETT, M., RAMESH, M., PERL, A., Política Pública: seus ciclos e sub sistemas, uma abordagem integral, Rio de Janeiro: Elsever, 2013.

SECCHI, L., Políticas Públicas: conceitos, esquemas de análise, casos práticos – 2ª edição. São Paulo: Cengage Learning, 2013.

 

Disciplina 3: GESTÃO DE PESSOAS E VOLUNTARIADO NO TERCEIRO SETOR (24 h/a)

 

Professor:

Ementa: O trabalho humano nas organizações, recrutamento; seleção; treinamento; capital intelectual & gestão do conhecimento; principais rotinas trabalhistas; qualificação; capacitação; desenvolvimento humano; liderança; trabalho em equipe; voluntariado.

Referências:

FIGARO, Roseli. Gestão da comunicação: no mundo do trabalho, educação, terceiro setor e cooperativismo. São Paulo: Atlas, 2005.

HUDSON, Mike. Administrando organizações do terceiro setor. São Paulo: Makron Books, 1999.

VOLTOLINI, Ricardo (Org.). Terceiro setor: planejamento e gestão. São Paulo: Senac (SP), 2004.

DUTRA, Joel Souza. Gestão de Pessoas: modelos, processos, tendências e perspectivas. São Paulo: Atlas, 2002. 8 reimp. 2009.

 

Disciplina 4: GESTÃO ESTRATÉGICA E GOVERNANÇA NO TERCEIRO SETOR (24 h/a)

 

Professor:

Ementa: Ferramentas de gestão e princípios de governança; modelos de gestão aplicáveis ao terceiro setor; gestão estratégica e planejamento estratégico aplicados ao Terceiro Setor; e Gestão da Qualidade no Terceiro Setor.

Referências:

CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE. Manual de procedimentos para o terceiro setor. Ed. FBC,Brasília, 2015.

TACHIZAWA, Takeshy. Organizações não governamentais e terceiro setor: criação de ongs e estratégias de atuação. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

LIMA, Paulo Daniel B. A Excelência em gestão pública: a trajetória e a estratégia do gespública. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2007.

CAPELLA, Ana Cláudia (2008). Menos governo e mais governança? Repensando a lógica da ação estatal. 6° Encontro da ABCP.

DRUCKER, Peter F. Administração de Organizações Sem Fins Lucrativos – Princípios e Práticas. São Paulo: Pioneira. 1994.

 

Disciplina 5: GESTÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA NO TERCEIRO SETOR (24 h/a)

 

Professor:

Ementa: Princípios da Administração Financeira. Planejamento e acompanhamento orçamentário. Fluxo de Caixa. Contas a pagar. Contas a receber. Custos no Terceiro Setor.

Referências:

GIACOMONI, James. Orçamento público. 14ª ed. São Paulo: Atlas, 2007.

GIAMBIAGI, Fábio & ALÉM, Ana Cláudia de. Finanças públicas: teoria e prática no Brasil. Rio de Janeiro: Campus, 2000.

GITMAN, Laurence Jeffrey. Princípios da Administração Financeira. São Paulo. Editora Harbra:1997.

IUDÍCIBUS, Sérgio de. Análises de Custos. São Paulo: Atlas 1996.

MARTINS, Eliseu. Contabilidade de Custos. 5ª ed. São Paulo: Atlas 1997

 

Disciplina 6: GESTÃO DE PROJETOS E CAPTAÇÃO DE RECURSOS NO TERCEIRO SETOR (24 h/a):

 

Professor:

Ementa: Captação de recursos financeiros (convênios, contratos, termos de parceria.); Elaboração de Projetos/Plano de trabalho (orçamento do projeto, realização financeira, relatório de cumprimento do objeto, contrapartida e voluntários).

Referências:

MARINO, E. Manual de avaliação de projetos sociais: Eduardo Marino. 2. ed. São Paulo: Instituto Ayrton Senna; Saraiva, 2003

CONTADOR, C.R. Projetos sociais: avaliação e prática. 4.ed. São Paulo: Atlas, 2000.

CAMARGO, M. F. de, SUZUKI, F. M., UEDA, Mery, SAKIMA, R. Y. e GHOBRIL, A. N. Gestão do Terceiro Setor no Brasil – Estratégias de captação de recursos para organizações sem fins lucrativos. São Paulo, Futura, 2001. 204p.

CRUZ, Célia; ESTRAVIZ, Marcelo. Captação de Diferentes recursos para organizações sem fins lucrativos. Instituto Fonte, 2001.

KISIL, Rosana. Elaboração de projetos e propostas para organizações da sociedade civil.

 

Disciplina 7: METODOLOGIA DA PESQUISA I (12 h/a)

 

Professor:

Ementa: Metodologias como forma de fazer ciência. Da teoria do conhecimento e a epistemologia. Comunicações científicas. Métodos e técnicas de pesquisas. Resenhas, resumos, papel, tópicos, fichamentos. Normas da ABNT: NBR 6023, 10520 e 14724.

Referências:

TAKAHASHI, Adriana Roseli Wunsch. Pesquisa Qualitativa em administração – fundamentos, métodos e usos no Brasil. São Paulo: atlas, 2013

THEOPHILO, Carlos Roberto; MARTINS, Gilberto de Andrade. Metodologia da Investigação Científica para Ciências Sociais Aplicadas – 2 de. São Paulo: atlas, 2009

SILVA, Antônio Carlos Ribeiro da. Metodologia da Pesquisa aplicada a Contabilidade. 3 de. São Paulo: atlas, 2010

 

Disciplina 8: LEGISLAÇÃO APLICADA ÀS ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR (24 h/a)

 

Professor:

 Ementa: Características jurídicas das Entidades do Terceiro Setor. Posição constitucional legal. Associações e Fundações. Parcerias, qualificações, títulos, certificados e termos concedidos e/ou prestados pelo Poder Público. Formas de contratualização das entidades do terceiro setor com o Estado: títulos de utilidade pública, certificados de entidades beneficentes de assistência social, qualificação de organização social: contrato de gestão; qualificação de organização da sociedade civil de interesse público: termo de parceria. Organização Social: termo de fomento e termo de colaboração. Fundação de Apoio às Instituições Federais de Ensino Superior. Fundações Partidárias.

 Referências:

Manual de procedimentos para o Terceiro Setor: aspectos de gestão e de contabilidade para entidades de interesse social/José Antonio de França; Álvaro Pereira de Andrade…(et al)—Brasília: CFC : FBC : Profis, 2015.

CARVALHO FILHO, José dos Santos. Manual de direito administrativo. São Paulo: Atlas, 2014.

DIAS, Maria Tereza Fonseca. Terceiro Setor e Estado: legitimidade e regulação por um no marco jurídico. Belo Horizonte: Fórum, 2008.

GRAZZIOLI, Airton e RAFAEL, Edson José. Fundações privadas. Doutrina e prática. São Paulo: Atlas 2013.

PAES, José Eduardo Sabo. Fundações, Associações e Entidades de Interesse social:. 8ª edição, Rev. e Atual; Rio de Janeiro: Forense, 2013.

ROCHA, Silvio Ferreira de. Terceiro Setor, 2ª Ed. São Paulo, Malheiros, 2006.

 

Disciplina 9: REGIME TRIBUTÁRIO APLICADO ÀS FUNDAÇÕES, ASSOCIAÇÕES E ENTIDADES DE INTERESSE SOCIAL. (12 h/a)

 

Professor:

 

Ementa: Noções introdutórias. Imunidade. Aspectos do art. 150, VI, “c”, da Constituição Federal. Imunidade como regra de delimitação da competência tributária. Destinatários da norma imunizante. Da aplicação integral no País dos recursos na manutenção de objetivos das entidades (inciso II do art. 14 do CTN). Das aplicações financeiras no exterior. Abrangência da imunidade: finalidades essenciais. Abrangência da imunidade: universo dos beneficiários. Fundações de previdência privada e fundações públicas. Aspectos gerais da imunidade recíproca do art. 150, inciso VI, alínea “a”, e dos seus § § 2º e 3º, todos da Constituição Federal. Da aplicação da imunidade recíproca do art. 150, VI, “a”, da Constituição Federal, às empresas públicas e às de economia mista quando prestadoras de serviços stricto sensu. Relação dos impostos abrangidos pela imunidade. Isenção. Classificação e natureza das isenções tributárias. Relação dos impostos e contribuições abrangidos pela imunidade e/ ou isenção. Impostos. Contribuições. Isenção de preços públicos ou tarifas. Emissão de notas fiscais.

Referências:

BALEEIRO, Aliomar. Limitações constitucionais ao poder de tributar. 8ª ed. Rio de Janeiro: Forense, 2010.

BARRETO, Aires; BARRETO, Paulo Ayres. Imunidades tributárias: Limitações constitucionais ao poder de tributar. São Paulo: Dialética, 1999.

CARRAZA, Roque Antônio. Curso de Direito Constitucional Tributário. 29ª. Ed. São Paulo: Malheiros, 2013.

GRAZZIOLI, Airton e RAFAEL, Edson José. Fundações privadas. Doutrina e prática. São Paulo: Atlas 2013.

MÂNICA, Fernando Borges. Terceiro Setor e Imunidade Tributária: teoria e prática/Fernando Borges Mânica. Belo Horizonte: Fórum, 2008.

MONELO, Sérgio Roberto. Entidades Beneficentes – Assistência Social, Imunidade e Direito Adquirido. São Paulo: Palas Atenas, 2006.

PAES, José Eduardo Sabo. Fundações, Associações e Entidades de Interesse social:. 8ª edição, Rev. e Atual; Rio de Janeiro: Forense, 2013.

 

Disciplina 10: CONTABILIDADE APLICADA ÀS ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR (36 h/a)

 

Professor:

Ementa: Aspectos conceituais básicos da contabilidade; normas e legislações aplicáveis (NBC-Ts) às principais transações e eventos econômicos do terceiro setor, incluindo prestação de serviços, benefícios do trabalho voluntário, contratos e termos de parceria, doações e subvenções recebidas, recursos e convênio e outros procedimentos; elaboração das demonstrações contábeis e notas explicativas.

Referências:

ARAUJO, Osório Cavalcante. Contabilidade para organizações do terceiro setor. São Paulo: Atlas, 2005.

CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE. ITG 202 (R1): Entidade sem Finalidade de Lucros. 2015.

CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE. NBC TG 1000: Contabilidade Para Pequenas e Médias Empresas. 2009.

FRANÇA, José Antônio de, coord. Manual de Procedimentos para o Terceiro Setor: Aspectos de Gestão e de Contabilidade para Entidades de Interesse Social. Brasília: CFC: FBC: Profis, 2015, 223p.

OLAK, Paulo Arnaldo; NASCIMENTO, Diogo Toledo do. Contabilidade para entidades sem fins lucrativos (terceiro setor). 3ª ed. São Paulo: Atlas, 2010.

PEYON, Luiz Francisco. Gestão contábil para o terceiro setor. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 2004.

SLOMSKI, Valmor; REZENDE, Amaury José; OLAK, Cássia Vanessa; e OLAK, Paulo Arnaldo. Contabilidade do Terceiro Setor – Uma abordagem operacional. São Paulo: Atlas, 2012.

 

Disciplina 11: PRESTAÇÃO DE CONTAS (36 h/a)

 

Professor:

Ementa: Estrutura da prestação de contas; prestações para órgãos reguladores e fiscalizadores; Prestações de Contas para aportadores de recursos e usuários internos.

Plano de trabalho, Contabilidade, Auditoria, relatório de atividades, obrigações acessórias, obtenção e manutenção de certificados e reconhecimentos, indicadores de desempenho, balanço socioambiental, controle social e GRI

Conceitos e práticas relacionadas à prestação de contas de projetos de interesse social desenvolvidos pelas entidades do terceiro setor nas esferas públicas e privadas para os termos de colaboração e fomento e a manutenção de certificados.

Referência:

Manual de procedimentos para o Terceiro Setor: aspectos de gestão e de contabilidade para entidades de interesse social/José Antônio de França; Álvaro Pereira de Andrade…(et al)—Brasília: CFC : FBC : Profis, 2015.

GRAZZIOLI, Airton e RAFAEL, Edson José. Fundações privadas. Doutrina e prática. São Paulo: Atlas 2013.

PAES, José Eduardo Sabo. Fundações, Associações e Entidades de Interesse social: 8ª edição, Rev. e Atual; Rio de Janeiro: Forense, 2013.

 

Disciplina 12: AUDITORIA OPERACIONAL E CONTÁBIL EM ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR (24 h/a);

 

Professor:

Ementa: Aspectos conceituais da auditoria; principais normas aplicáveis; técnicas e procedimentos de auditoria; elaboração de relatório de auditoria.

Referências:

ATTIE, William. Auditoria – Conceitos e Aplicações. 6ª ed. São Paulo: Atlas, 2011.

ALMEIDA, Marcelo Cavalcanti. Auditoria – um curso moderno e completo. 8. ed. São Paulo: Atlas, 2012.

BATISTA, Daniel Gerhard. Manual de Controle e Auditoria. 1ª ed. São Paulo: Saraiva, 2011.

BOYNTON, William C.; JOHNSON, Raymond; e KELL, Walter G. Auditoria. 7ª. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

PEREZ JUNIOR, José Hernandez. Auditoria das demonstrações contábeis. 3ª ed. São Paulo: Atlas, 2006.

TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO. Auditoria Governamental. Brasília: Instituto Serzedello Corrêa, 2011.

 

Disciplina 13: ÉTICA & RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL (24 h/a)

 

Professor:

Ementa: Ética nas organizações; Código de conduta; Responsabilidade Socioambiental; Empreendedorismo Socioambiental; Marketing Socioambiental; Projetos Socioambientais; Balanço Socioambiental.

Referências:

COSTA, Maria Cristina Castilho. Gestão da comunicação: terceiro setor, organizações não governamentais, responsabilidade social e novas formas de cidadania. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2006.

REIS, Carlos Nelson dos; MEDEIROS, Luiz Edgar de. Responsabilidade social das empresas e balanço social: meios propulsores do desenvolvimento econômico e social. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

TACHIZAWA, Takeshy. Organizações não governamentais e terceiro setor: criação de ONGs e estratégias de atuação. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

 

Disciplina 14: CONTROLADORIA (24 h/a)

 

Professor:

Ementa: Aspectos fundamentais da controladoria; sistema empresa e o processo de gestão; a controladoria e o processo de gestão; a controladoria na estratégia; execução e controle; Sistemas Integrados de Gestão (SIG/ERP); Avaliação de Desempenho (Índices financeiros e econômicos, índices de eficiência de gestão, balanced scorecard, etc.).

Referências:

CATELLI, Armando (Coord.). Controladoria: uma abordagem da gestão econômica – GECON. São Paulo: Atlas, 2001.

HUDSON, Mike. Administrando organizações do terceiro setor. São Paulo: Makron Books, 1999.

MORGAN, Levi; BENEDICTO, Gideon Carvalho. Um Estudo sobre a Controladoria em Organizações do Terceiro Setor na Região Metropolitana de Campinas. Revista de Administração da UNIMEP. Vol. 7, n. 3, 2009.

MOSIMANN, Clara Pellegrinello; FISCH, Silvio. Controladoria. São Paulo: Atlas, 1999.

OLIVEIRA, L. M. et al. Controladoria estratégica. São Paulo: Atlas, 2002.

PADOVEZE, Clovis Luis. Controladoria Básica. 2ª ed. São Paulo: Cengage Learning, 2010.

VOLTOLINI, Ricardo (Org.). Terceiro setor: planejamento e gestão. São Paulo: Senac (SP), 2004.

 

Disciplina 15: SEMINÁRIOS DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL (12 h/a):

 

Professor:

Ementa: Palestras, painéis, oficinas abordando tópicos contemporâneos aplicáveis ao Terceiro Setor (seminários, workshops e palestras com profissionais do mercado). a serem propostos e escolhidos pelos participantes.

Serão oferecidos três seminários de 4 h/a na conclusão de cada módulo.

Referências:

GRAZZIOLI, Airton e RAFAEL, Edson José. Fundações privadas. Doutrina e prática. São Paulo: Atlas 2013.

PAES, José Eduardo Sabo. Fundações, Associações e Entidades de Interesse social: 8ª edição, Rev. e Atual; Rio de Janeiro: Forense, 2013.

SALGADO, Valéria Alpino Bigonha. Manual de administração pública democrática: conceitos e formas de organização. Campinas, SP: Saberes Editora, 2012.

SZAZI, Eduardo. Passo a passo para o funcionamento das organizações da sociedade civil: entendendo e aplicando a Lei 13.019, de 31 de julho de 2014. Ed. Civilis, Curitiba, PR: Blanche, 2015.

VIOLIN, Tarso Cabral. Terceiro Setor e as parcerias com a Administração Pública: uma análise crítica. 2ª Ed. Belo Horizonte: Fórum, 2010.

 

Disciplina 16: METODOLOGIA DA PESQUISA II (12 h/a):

 

Professor:

Ementa: Projeto de pesquisa: tema, problema, objetivos, metodologias, referencial teórico. Artigo Científico, monografia, relatórios e aplicação das normas da ABNT.

Referências:

SALOMON, Delcio Vieira. Como fazer uma monografia. São Paulo: Martins Fontes, 2001

SEVERINO, Antônio Joaquim. Metodologia doTrabalho Científico. 21 de. São Paulo: cortes, 2000.

TAKAHASHI, Adriana Roseli Wunsch. Pesquisa Qualitativa em administração – fundamentos, métodos e usos no Brasil. São Paulo: atlas, 2013

THEOPHILO, Carlos Roberto; MARTINS, Gilberto de Andrade. Metodologia da Investigação Científica para Ciências Sociais Aplicadas – 2 de. São Paulo: atlas, 2009

SILVA, Antônio Carlos Ribeiro da. Metodologia da Pesquisa aplicada a Contabilidade. 3 de. São Paulo: atlas, 2010

Disciplina 17: TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) – 24 H/A

 

Professor:

Ementa: Após a conclusão e aprovação em todas as disciplinas obrigatórias, os participantes irão realizar um diagnóstico em uma empresa, identificando uma situação problema de forma a propor soluções e alternativas ao problema diagnosticado. Essa metodologia tem como finalidade solidificar o aprendizado dos alunos, os quais posteriormente, irão apresentar a conclusão dos seus trabalhos em um seminário a ser organizado pela coordenação, orientadores e alunos.

Referências:

BORN, ROGER. Estudo de Casos – Aprendendo com a Prática. 2008. Sulina

ELLET, WILLIAM. Manual de Estudo de Caso. 2008. Bookman

GOMES, JOSIR SIMEONE. O Método de Estudo de Caso Aplicado À Gestão de Negócios – Textos e Casos. 2006. Atlas

YIN, ROBERT K. Estudo de Caso – Planejamento e Métodos – 5ª Ed. 2015. Bookman

 

Disciplina 18: METODOLOGIA DO ENSIN0 SUPERIOR (OPCIONAL) – (24 h/a):

 

         Professor

 

 

Ementa: Sistematização dos princípios fundamentais da metodologia e práticas do ensino superior e didática, tendo em vista a atuação do profissional docente como mediador do processo de ensino-aprendizagem na universidade.

Referências:

ANASTASIOU, Léa das Graças (org). Processos de Ensinagem na Universidade. Joinville: Univille, 2012.

PERRENOUD, Philippe. Dez novas competências para ensinar. Porto Alegre: Artes Médicas, 2000.

GIL, Antonio Carlos. Metodologia do Ensino Superior. São Paulo: Atlas, 1997.

______. Didática do Ensino Superior. São Paulo: Atlas, 2006.

HAYDT, Regina Cazaux. Avaliação do Processo Ensino-Aprendizagem. São Paulo: Ática, 2008.

D’ÁVILA, Cristina (org). Ser Professor na Contemporaneidade.Curitiba: editora CRV, 2009

FAVA, Rui. Educação 3.0. São Paulo: Saraiva, 2014.

SILVA, Antonio Carlos Ribeiro da. Educação por Competências. São Paulo: Paco editorial, 2012

WERNWCK, Hamilton. A nota prende, a sabedoria liberta. Rio de Janeiro: DP&A editora,2000

Endereços Eletrônicos:

Portal da Educação: site: www.mec.org.br

http://www.inep.org.br

 

Disciplina 19: INTERCÂMBIO ACADÊMICO (OPCIONAL) – 48 H/A

 

Professor:

Ementa: A critério da IES

Referências:

 

4.7 Metodologia de Ensino e Sistema de avaliação

O curso contempla a utilização de metodologias e técnicas diversificadas que venham incrementar o processo de ensino-aprendizagem, levando-se em conta a experiência dos participantes em relação aos fundamentos teóricos ministrados em cada disciplina.

Considerando a proposta do Curso, caberá a cada professor não só ministrar o conteúdo programático estabelecido para a sua disciplina (o que fazer), como também abordar procurar aplicar metodologias ativas em suas aulas, como estudos de caso, oficinas temáticas e outras técnicas que assegurem “o pensar” e “o fazer” por parte dos alunos (como fazer).

Para as disciplinas de 24 (vinte e quatro) horas/aula, entre o primeiro e o segundo encontro poderá ser solicitado aos alunos que realizem trabalhos práticos, sejam estes individuais ou em grupos. Os trabalhos poderão ser utilizados para fins de avaliação da disciplina.  Esses trabalhos deverão ser objetos de discussão em sala de aula. O processo de avaliação do aluno deverá contemplar, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) como avaliação individual.

Caberá ao professor resgatar a experiência dos alunos para conduzir o processo de ensino-aprendizagem de forma a garantir a participação ativa da classe e a contextualização dos conhecimentos de cada disciplina à realidade do ambiente de negócios.

4.7.1 Sistema de avaliação e controle de frequência

A avaliação de todas as atividades será implementada para garantir a qualidade do curso, permitindo a potencialização dos resultados positivos com base no Regimento Geral da Pós-Graduação.

Avaliação dos alunos: poderá ser feita por meio de provas escritas, trabalhos práticos, projetos, relatórios de estudos, visitas técnicas, apresentações de seminários sobre temas escolhidos e monografia. Em cada disciplina, os resultados ponderados de cada avaliação constituirão média mínima de 7,0 (sete) final e frequência mínima de 75%, que deverá ser considerada suficiente pelo docente de cada disciplina e pela Coordenação do Curso.

Avaliação dos Docentes: Será realizada pelos alunos e aplicada pela coordenação do curso ao final de cada disciplina ministrada, visando o aprimoramento contínuo da qualidade do ensino de Pós-Graduação.

Avaliação do Curso/Coordenação/ Administrativo / Instalações Físicas: será realizada por meio de questionários aplicados aos alunos e aos docentes.

Para aprovação o aluno deverá ter no mínimo de 75% (setenta e cinco por cento) de frequência em cada disciplina. O Controle será realizado por meio de folha de registro de frequência apresentada aos docentes a cada aula.

4.8            Dados Relativos ao Corpo Docente

  1. a) Informações gerais:
Nº total de docentes que ministrarão o curso
Nº docentes pertencentes ao quadro permanente da IES certificadora
Nº de docentes externos

 

  1. b) Titulação:
Nº de especialistas
Nº de mestres
Nº de doutores

 

ATENÇÃO: Contar apenas uma vez o docente que ministrar uma ou mais disciplinas.

 

4.9                Recursos

  1. a) Instalações (salas de aula, laboratórios, etc.)
  • Salas de aulas ou auditórios ou climatizados, bem iluminados, com poltronas ou cadeiras confortáveis, para até 45 (quarenta e cinco pessoas);
  • Estacionamento;
  • Espaço para coffee-break ou lanchonete;
  • Banheiros (masculino e feminino);
  • Secretaria de apoio ao docente e aos alunos;
  • Laboratórios para demonstração de ferramentas e sistemas.
  1. b) Equipamentos
  • Quadro negro ou branco (preferência por lousa eletrônica);
  • Projetor Multimídia e sistema básico de som
  1. c) Biblioteca (acervo bibliográfico)
  • Biblioteca com acervo básico de livros e periódicos, indicados no projeto para consulta dos alunos.
  1. d) Recursos de Informática
  • Internet banda larga WIFI com acesso liberado para todos os alunos do curso;
  • Laboratório ou cyber-espaço com computadores para acesso dos alunos.
  1. e) Reprografia (fotocópias)
  • Central de fotocópias disponível para uso da secretaria, professores, coordenadores e alunos.

 

4.10             Aspectos Legais

O curso CONTROLE E GESTÃO DE ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR está em conformidade com a Resolução 01/2001 da Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação, que estabelece normas para o funcionamento de cursos de Pós-Graduação.

 

4.11             Trabalho de Conclusão de Curso – TCC

O trabalho será de pesquisa individual, devendo ser entregue a Instituição Conveniada, dentro do prazo de 90 (noventa) dias após a conclusão dos créditos, cabendo aos alunos a responsabilidade pelos custos necessários à sua elaboração.

O Trabalho será avaliado conforme normas da Instituição Conveniada, e poderá receber os conceitos “APTO”, “SUJEITO A CORREÇÕES” ou ainda “INAPTO”, conforme descrito a seguir:

  • “SUJEITO A CORREÇÕES” – o aluno que obtiver este conceito no trabalho Final terá o prazo máximo de 30 (trinta) dias, a contar da ciência, para efetuar as modificações determinadas pelos avaliadores. Esgotado o prazo, e não se processando as modificações, será atribuído o conceito de “INAPTO”.
  • “INAPTO” – o aluno que obtiver este conceito no trabalho final não poderá receber o Certificado de Especialista, mesmo tendo cursado todas as disciplinas, devendo assim somente receber o Certificado de Extensão.
  • “APTO” –  o aluno que obtiver este conceito no trabalho final e ter concluído todas as disciplinas com aprovação, estará aprovado e além de receber o Certificado de Especialista, poderá, a critério do órgão responsável pela Pós-Graduação da Instituição Conveniada, ter seu trabalho recomendado para publicações em revistas especializadas.

O aluno reprovado no Trabalho Final terá o direito de requerer à Instituição Conveniada o certificado de Extensão. O Certificado de Especialista será expedido pela Instituição Conveniada somente após o aluno ter cumprido todas as obrigações contratuais firmadas com a Instituição.

 

5. Previsão Orçamentária

5.1            Previsão de Despesas

ORÇAMENTO BÁSICO DO CURSO
(Modelo: 35 alunos e 384 horas/aulas)
ITENS DISCRIMINAÇÃO CUSTO TOTAL (R$)
Valor Unitário (R$) Nº de Horas Hora/aula (R$) Nº de Alunos Meses Dias Nº Cópias Nº de Passagens
1. Pessoal
1.1. Professores
Mestres 300 150,00                           45.000,00
Doutores 84    180,00      15.120,00
1.2. Orientação de Monografia 0,00 140 100,00      14.000,00
1.3. Coordenação      500,00 18        9.000,00
1.4  Assessoramento      500,00 18        9.000,00
1.5 Total dos Professores, Coordenação e Assessoramento       92.120,00
1.6 Total dos Encargos Sociais (25%)           23.030,00
TOTAL ITEM 1    115.150,00
 
2.    Serviços de Terceiros (especificar).

                              Ex: Despesas com Processo- inclui passagens e diárias da FBC e Despesas com Reuniões

R$
2.1 Despesas de Apresentação do Projeto 3.000,00
2.2 Despesas com Reuniões de Acompanhamento 3.250,00
2.3 Total dos Serviços de Terceiros 6.250,00
TOTAL ITENS 1 + 2     121.400,00
 

 

 

 

 

3. Taxa de Administração R$
3.1 IES (máximo de 15% – 11,54% sobre o custo total)       27.013,00
3.2 FBC (máximo de 15% – 11,54% sobre o custo total)       27.013,00
3.3 Total das Taxas de Administração      54.026,00
TOTAL ITENS 1 + 2 + 3        175.426,00
 
4. Serviços de Apoio
4.1. Divulgação 6.000,00     6.000,00
4.2. Material de Expediente 3.000,00           3.000,00
4.3. Fotocópias/Reprodução        0,20 35 700      4.900,00
4.4. Outros      2.500,00       2.500,00
4.5 Total de Serviços de Apoio     16.400,00
TOTAL ITENS 1 + 2 + 3 + 4   191.826,00
 
5. Despesas com Deslocamento de Professores (conforme descriminado no projeto)
5.1. Passagens – R$ 600,00 24    14.400,00
5.2. Alimentação R$ 120,00 36           4.320,00
5.3. Hospedagem R$ 300,00 24           7.200,00
5.4 Total das Despesas com deslocamento dos Professores    25.920,00
TOTAL ITENS 1 + 2 + 3 + 4 + 5  217.746,00
 
6. Inadimplência (máximo de 10%)  R$
6.1 Total de Inadimplentes 16.372,00
TOTAL ITENS 1 + 2 + 3 + 4 + 5 + 6      234.118,00
 

 

 

 

VALOR TOTAL DO CURSO SEM SUBSÍDIO R$      234.118,00
1 – MENSALIDADE DOS ALUNOS SEM SUBSÍDIO
Quantidade de alunos: 30
Valor total do curso: R$ 7.803,93
Quantidade de meses: 18
Valor da mensalidade: R$ 433,55
2 – RECEITAS
Mensalidades: R$ 34.118,00
TX de matrícula: (216,50 x 30) R$ 6.495,00
Total: R$ 40.613,00

 

6. Anexos

Anexo I

  • Currículo Lattes dos Professores

Anexo II

  • Planilha de receitas com mensalidades

Anexo III

Nome da Instituição de Ensino Superior:

Nome do Curso:

ALUNO REGISTRO PROFISSIONAL OU CONVÊNIO MENSALIDADE DESCONTO VALOR PAGO
1.
2.
3.
4.
5.
6.
7.
8.
9.
10.
11.
12.
13.
14.
15.

 

 

____________________________________

Carimbo e assinatura do responsável

Nome do Departamento

Conselho Regional de Contabilidade

Data: ___/___/____

 

 

 

ANEXO I

 

 

CURRICULUM VITAE (conforme modelo) ou LATTES

Mês, ano

 

  1. DADOS PESSOAIS

Nome: __________________________________________________________________________

 

Filiação:

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

Nascimento: _____/_____/_______, ________________________-_____- Brasil

RG: ________________________________________

CPF: ________________________________________

Nº de Registro no CRC: _________________________

 

Endereço profissional:

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Telefone Fixo: (___) _______-_________

Celular: (___) _______-_________

E-mail: ________________________________

 

Endereço residencial:

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________­___________________

Telefone Fixo: (___) _______-_________

Celular: (___) _______-_________

E-mail: ________________________________

 

  1. FORMAÇÃO ACADÊMICA/TITULAÇÃO

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

  1. FORMAÇÃO COMPLEMENTAR

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

  1. ATUAÇÃO PROFISSIONAL

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

  1. ÁREAS DE ATUAÇÃO

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

  1. IDIOMAS

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

  1. PRÊMIOS E TÍTULOS

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

  1. PRODUÇÃO CIENTÍFICA, TECNOLÓGICA E ARTÍSTICA/CULTURAL

8.1 PRODUÇÃO TÉCNICA

                  8.1.1 Trabalhos técnicos

 
 
 

                 

          8.2 ORIENTAÇÕES CONCLUÍDAS

                  8.2.1 Aperfeiçoamento/Especialização

 
 
 

 

                  8.2.2 Graduação

 
 
 

 

          8.3 DEMAIS TRABALHOS

 
 
 

 

  1. DADOS COMPLEMENTARES

          9.1 PARTICIPAÇÃO EM BANCAS EXAMINADORAS

_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

                  9.1.1 Dissertações e Teses

 
 
 

 

                  9.1.2 Trabalhos de Conclusão de Curso de Graduação

 
 
 

 

           9.2 PARTICIPAÇÃO EM BANCAS DE COMISSÕES JULGADORAS

                  9.2.1 Avaliação de cursos

 
 
 

 

              9.3 PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS

 
 
 

 

  1. INDICADORES DE PRODUÇÃO
Produção técnica
Trabalhos técnicos
Orientações concluídas
Aperfeiçoamento/Especialização
Graduação
Demais trabalhos
Dados complementares
Participação em bancas examinadoras
Participação em bancas de comissões julgadoras
Participação em eventos
Trabalhos técnicos

 

 

 

ANEXO II

 

 

Nome da IES:

Nome do Curso:

Nome do aluno Nº CRC ou outro Conselho Profissional Valor da mensalidade sem subsídio Valor da mensalidade com subsídio Valor pago

Observações: a planilha deverá ser obrigatoriamente preenchida e anexada para prestação de contas e repasse financeiro.

 

 

E por estarem justos e acordados, assinam o presente Projeto de Curso de Pós-Graduação em nível de Especialização – Lato Sensu – MBA EM CONTROLE & GESTÃO DAS ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR

 

 

Brasília, ___ de ___________________________ de 2017

                                     

 

 

 

 

____________________________________

IES

____________________________________

Fundação Brasileira de Contabilidade

 

 

WhatsApp chat